Que queres que te faça? ( Pregação de Hamilton Apolônio – Cenáculo por Cura e Libertação)

0

O tema desta pregação é  Que queres que te faças. “Ninguém se aproxima de Jesus para não receber Dele um graça, uma benção. Essa é a grande revelação. Mesmo aqueles que ferem o coração de Jesus, Dele só recebem graça sobre graça. Deus é inacessível ao mal, diz São Tiago. Deus é amor.

É impressionante quando alguém tem um carisma, uma graça a comunicar… E quem tem contato com esse carisma, com essa graça, é tocado, curado.

Quem tem contato com Jesus, vai receber amor, e o amor cura.

Nenhuma pessoa chega mais próxima de Deus, sem se sentir amada.

Nos acostumamos e restringimos a direção da cura à cura física e ela nem sempre é a mais importante. Talvez estejamos fisicamente doentes, mas essa doença não afeta o nível de amor, de alegria, de santidade…

Talvez até a doença física nos transforme em pessoas melhores, mais santas, mais agradáveis, mais humildes, mais sensíveis para com o outro. Então posso dizer que estamos doentes, mas não enfermos.

Por outro lado, existem pessoas lindas, saradas, malhadas mas que, quando começamos a conversar com elas, descobrimos pessoas extremamente zangadas, reclamando o tempo todo da vida. Isso é ser enfermo.

E como existem pessoas enfermas, infelizes dentro da alma. O enfermo mais complicado de se tratar é aquele que não enxerga sua enfermidade.

Se as curas não aconteceram ainda é porque ainda não fomos tocados. O hoje é um dia de cura.

Há sinais muito claros de quando nó tocamos em Jesus ou não. E o grande sinal da cura, de que a pessoa verdadeiramente foi tocada ou tocou em Jesus é a transformação, a mudança de vida. Ela se torna uma pessoa muito mais amorosa.

Hamilton Apolônio

25.04.15

Cenáculo por Cura e Libertação

Transcrita por: Leandra Farias

Compartilhe.

Deixe seu comentário